Menu

The Journaling of Schmidt 495

collarpizza5's blog

Como Fazer Provas De Concursos Públicos E Se Oferecer Bem

Resolva As Dúvidas De Geografia Pela Unesp 2018


Devo obter algumas inimizades de alunos e professores com o texto de hoje. Entretanto prefiro a polêmica que gera o diálogo à mesmice dos padrões. 2018. Disponível Em conflito, sem discussão, sem quebra de padrões, ficamos a todo o momento no mesmo ambiente. E acho que essa forma de visualizar a educação não leva a nada. Esperei passar ao menos um dia em ligação aos comentários postados a respeito da prova do ENEM aplicada neste término de semana. E para diversificar, além das dúvidas objetivas, muito se alegou em relação à prova de redação.


Professores, alunos, especialistas, jornalistas, políticos: todos opinaram sobre o tema oferecido e das supostas fórmulas para "publicar bem" a temida dissertação. Como começar, como desenvolver, como concluir, como argumentar? Fórmulas são apresentadas, e por vezes até copiadas, para dar ao aluno a chance de encaminhar-se bem, uma vez que o que importa mesmo é a pontuação. Havia aluno até com redação pronta e decorada. Foi isso mesmo que você leu: alunos decoraram redações inteiras sobre o assunto um conteúdo específico pra só copiar o texto na hora da prova.



  • Rm - remove ou exclui arquivos e diretórios


  • oito Olá Jonas kam

  • Língua Estrangeira (inglês ou espanhol)

  • Diga-ME COM QUEM ANDAS

  • Agregação de textos a seus contextos, de acordo com as condições de realização e recepção



  • E o Ministério da Educação anunciou o cenário: "publicidade infantil em pergunta no Brasil". Praticamente nenhum especialista apostou nessa linha argumentativa pra prova do ENEM. Aí você imediatamente domina, né? Falaram que foi uma prova política, uma prova feita pra dizer mal da imprensa, com finalidade de expor bem do governo, com o intuito de influenciar os alunos e por aí vai. Estudantes criticaram na web, professores passaram supostos "gabaritos" de redação e, como a todo o momento, as redes sociais geraram centenas de piadas a respeito. Prontamente Transexuais E Travestis São capazes de Usar Nome Social Em Escolas Do Brasil /p>

    Reflita comigo: dá afim de ter um gabarito de bacana redação? Há como contar que existe um gabarito, mesmo que seja só semelhante, de uma produção textual? Percebo que estamos ensinando os alunos a serem meros reprodutores de ideias alheias; e não seres pensantes, reflexivos e participativos, concretamente. Necessitamos preparar os alunos pra escrever em todos os tipos e gêneros textuais, por intervenção de qualquer conteúdo, sem padrões tão exigentes e retrógrados.


    Por este aspecto, minha visão é bem clara. Quanto mais ensinamos os alunos a simplesmente reproduzir fórmulas, menos eles entendem o que estão escrevendo. Quanto mais eles tentam digitar dentro de padrões insuficiente inteligentes, menos eles querem participar do processo educativo. Todos os dias, verifico a imensa complexidade que os alunos de ensino superior têm para produzir textos. A maioria fica com temor de escrever, a todo o momento pensando nas regras e nos padrões estruturais. Penso em formar alunos que saibam transitar por todos os tipos e gêneros textuais, com criatividade e conhecimento. Um agradável texto argumentativo não necessita, só, seguir o modelo "introdução-desenvolvimento-e-conclusão" como se fosse uma ordem de "início-meio-e-término", para ser considerado excelente.


    A estrutura dissertativa foi feita pra persuadir e não pra mencionar uma história. Aristóteles neste instante nos apresentou a arte da retórica, representada por exórdio, narração, provas e peroração. O intuito dessa estrutura era mexer com Márcio França Anuncia Pacote De R$ 450 Milhões Para a Educação e paixões de quem está vendo ou ouvindo a alegação. E isso pode ser feito de imensas maneiras e em inúmeras ordens. Não deve ser algo exigente e com poucas escolhas.


Go Back

Comment

Blog Search

Blog Archive

Comments

There are currently no blog comments.